PROJETO RIO-SP

Projeto leva Oficina de Pipas aos espaços culturais em São Paulo

Mais um dia de pura diversão dominou o espaço cultural Canto da Arte, em Jaguaré, São Paulo.  O evento aconteceu no início de março e mobilizou cerca de 15 crianças da região para um dia repleto de aprendizado e
brincadeiras.
“Foi uma interação muito prazerosa, conseguimos ministrar a oficina tranquilamente, as crianças contribuíram bastante, prestando atenção enquanto falávamos e, o mais importante, colocando a mão na massa, onde cada uma fez a própria pipa”, comentou Marcos Silva, fundador da Oficina de
Pipas.
Outra curiosidade, foi que no dia do curso teve a participação de duas meninas. Elas confeccionaram suas próprias pipas e ficaram muito bem elaboradas. “As duas são craques na soltura do pipas, pois costumam a fazer a atividade no dia a dia e só faltava aprender a confeccionar”, comentou
Marcos.
*Canto de Arte Jaguaré é pura diversão!*
O Canto da Arte Jaguaré é um coletivo social formado há 4 anos por moradores do bairro. Seus fundadores acreditam no poder da transformação social por meio do uso inteligente dos espaços públicos, com a realização de eventos e intervenções artísticas.
“Ocupamos um lugar que funcionava como *telecentro *e foi abandonado pela prefeitura na época, tornando-se um local para usuários de drogas e prostituição. Mas isso não ficou assim por muito tempo pois conseguimos, por meio de algumas parcerias, revitalizar o lugar e torná-lo um espaço de cultura, esporte e lazer para a comunidade”, explica Aline Soto,
administradora do espaço.
A oficina foi totalmente beneficente, ou seja, o espaço para a realização do curso, assim como os instrutores e os materiais utilizados para as montagens foram cedidos pelo Canto de Arte e a Oficina de Pipas. Para o sócio de Aline e marido, Alessandro Rodrigues, a proposta de realizar a oficina nesse espaço cultural foi muito significante para a comunidade local.
“Gostamos muito da oficina e queremos repetir, organizar um novo curso num futuro próximo. Nosso espaço está localizado em uma comunidade que é carente de ações beneficentes e a maioria das crianças solta pipa, já que é um brinquedo barato e divertido. Porém, mesmo sendo barato, nem todos podem comprar os materiais para a montagem. Além de questões abordadas sobre os cuidados com a segurança, o curso foi importante para eles aprenderem a montar seus próprios pipas”, afirmou Rodrigues.
*Contrate a Oficina de Pipas para o seu evento *
Agora que você já conheceu um pouco sobre nossas atividades, entre em contato conosco e reserve a oficina para o seu evento ou estabelecimento.Vale lembrar que desenvolvemos parcerias com várias entidades sociais como espaços cultuais, escolas públicas e privadas, buffets, shoppings centers, Organizações Não Governamentais (ONGs), lojas infantis e de entretenimento, festas em geral e confraternizações de empresas.
Acesse nosso site e conheça mais: www.oficinadepipas.com.br

 

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email